Nosso Blog

10 erros de costura que você não deve cometer!

Descubra 10 erros de costura que você provavelmente já cometeu ou ainda comete, independentemente se você é iniciante na costura ou não.

Quando uma peça é produzida com falta de atenção, de paciência e pressa, muitos erros são cometidos no automático. Porém, se queremos executar um bom trabalho podemos e devemos evitar os erros listados a seguir:

1 – Comprar o tecido só porque achou bonito

Você já foi a uma loja de tecidos, com um modelo de roupa em mente, e comprou um tecido por impulso?

Talvez tenha sido o preço/cor/estampa que te chamou a atenção e te fez comprar. Mas você analisou se era o tecido ideal para aquela peça?

Esse é o primeiro erro que deve ser evitado!

Se você já sabe que tipo de roupa deseja fazer, precisa levar em consideração qual o melhor tecido para esse modelo. Se não fizer isso o resultado final da peça provavelmente só vai causar decepção.

Cada tecido tem sua espessura e um tipo de caimento. Alguns são mais pesados e armados, outros mais leves e esvoaçantes.

Por isso, o certo é pensar no tecido mais indicado para o modelo antes de sair para procurar uma estampa ou aproveitar uma promoção. 

Além disso é comum as pessoas comprarem uma metragem qualquer de tecido sem nem saber o que fazer ele. O resultado é que esse pedaço de tecido fica guardado no armário!

Quando você acha que achou um modelo de roupa pra fazer com ele, a metragem não é suficiente. Ou você acha um modelo bonito mas não serve pro tipo de tecido.

Falando em metragem de tecido, vamos ao segundo erro…

2 – Não comprar a quantidade certa de tecido

É comum querermos economizar sempre que possível! Por isso pensamos em comprar o tecido à conta, porque qualquer centímetro a menos vai ser melhor pro nosso bolso.

Mas agir assim é um erro que muitas vezes não compensa.

Durante a modelagem pode haver mudanças no modelo da roupa. Você ou a cliente talvez pense num detalhe a mais ou pode ser necessário usar mais um pouco de tecido para corrigir falhas e erros.

Por isso quando se trata de tecidos, é muito melhor sobrar um pouco do que ficar faltando e você não conseguir terminar o projeto conforme desejava. (Clique aqui para aprender como calcular a quantidade certa de tecido para cada modelo de roupa.)

3 – Não fazer a preparação do tecido

Se você acompanha o Blog, já sabe que esse é um erro muito grande!

Quando compramos um tecido, principalmente se ele for de algodão ou alguma fibra natural, precisamos fazer a lavagem dele antes de qualquer outra coisa (se você não sabe como fazer essa lavagem, clique aqui).

Depois de lavado, o tecido precisa ser alinhado (para saber como alinhar um tecido corretamente clique aqui).

Só depois de fazer essa preparação é que o tecido está realmente pronto para ser cortado e costurado. (ASSISTA AO VÍDEO AQUI E APRENDA A ALINHAR O TECIDO)

Quando se pula essa preparação tão importante o resultado geralmente é uma peça que fica retorcida no corpo. Uma peça que após a primeira lavagem encolhe e fica impossível de se vestir. Ninguém quer tanto trabalho jogado fora né?

4 – Não cortar o tecido exatamente conforme o molde

Se você está com pressa ou desatenta, provavelmente você acaba cometendo esse erro.

Um tecido mal cortado faz com que a peça fique, entre outras coisas, torta, desalinhada e no tamanho errado.

Por isso você deve dar bastante atenção a esse passo da costura, cuidando para que o corte seja o mais fiel ao molde possível.

Para isso eu aconselho que depois de fazer a modelagem para a roupa que for costurar você coloque no papel as margens de costura. Levando em consideração o tipo de acabamento que irá fazer na peça, é claro. Isso diminui as chances de ter medidas desproporcionais.

5 – Não transferir as marcações do molde para o tecido

Tenha e mente que TODAS as marcações do molde são necessárias! Se elas existem devem ser seguidas para que a peça seja feita corretamente.

Por isso tenha bastante atenção quando cortar o molde para transferir todas as pences, piques, e detalhes existentes.

6 – Não utilizar a agulha correta

Existe uma agulha correta para cada tipo de tecido. Seguir esse padrão é muito importante não só para o bom acabamento da peça, mas também para não danificar a máquina de costura.

Um ponto de atenção extra aqui também é utilizar a linha correta (Clique aqui para saber qual a linha certa para cada tecido).

7 – Não regular a máquina antes de começar a costurar

Conforme já falamos antes, cada tecido tem uma espessura diferente. Infelizmente não existe uma configuração mágica na máquina que sirva para todos os tecidos.

Cada tecido precisa de uma determinada tensão na linha, e comprimento de ponto. E isso também varia de máquina para máquina.

Por isso, antes de começar a costurar a peça propriamente dita, pegue um retalho do próprio tecido e faça um teste na costura. Veja tudo que precisa ser regulado antes e só então comece a costurar de fato. (ASSISTA AO VÍDEO AQUI E APRENDA A REGULAR A TENSÃO DA LINHA)

8 – Não alinhavar

Esse é um erro que eu mesma cometia. Na minha ansiedade de terminar logo uma peça, muitas vezes eu deixei de alinhavar e simplesmente coloquei alfinetes pra passar a peça direto na máquina.

Dava certo? Muitas vezes não! E aí o trabalho é redobrado, porque eu tinha que descosturar tudo e costurar novamente.

Então, tenha um pouco de paciência e alinhave a peça, porque você poupa tempo e o resultado final fica muito mais profissional.

[su_spacer size=”60″]

9 – Não passar o ferro no tecido para abrir a costura

Esse é outro erro cometido pelos ansiosos. Pode até parecer que pular esse passo não tem problema, mas ele faz toda a diferença.

Abrir as costuras com o ferro facilita a costura, resulta num ótimo acabamento e numa peça final com caimento perfeito.

[su_spacer size=”60″]

10 – Não fazer o acabamento interno da peça

Uma vez eu ouvi a seguinte frase: “A gente reconhece uma boa costureira apenas olhando a peça do avesso.” Desde então eu prezo por acabamentos perfeitos!

Se você pensa que ninguém vai ver o lado interno da peça, e que não tem importância fazer ou não algum acabamento está completamente enganada!

Um acabamento mal feito ou até mesmo a falta de um,  faz com que a peça não dure e fique com um caimento ruim, cheia de marcas e volumes aparentes do lado de fora.

Existem milhares de formas de fazer um acabamento interno, mesmo que você não tenha uma overloque. No nosso canal no Youtube você aprende a montar várias peças com acabamento impecável usando apenas a máquina de costura comum.

Se inscreve lá se ainda não for inscrito 😉 (Acessar o canal

[su_spacer size=”50″]

Então, esses foram os 10 erros que você deve SEMPRE evitar na costura. Sabe de mais algum? Deixa aqui nos comentários. Aproveita e se inscreve aqui no blog e siga a Linha N’agulha nas redes sociais. 😉

Está gostando do conteúdo? Compartilhe:

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

eleven + ten =

Está Gostando? Compartilhe

FIQUE POR DENTRO!

Seja avisado sempre que surgir um conteúdo novo aqui na Linha N'agulha

Seja bem-vindo(a)! Para poder apresentar o site da melhor forma possível, utilizamos cookies. Para saber mais, acesse nossa Política de Privacidade.